Entrar

Projeto: A Torre e a Pena - O Movimento Vertical na Prática

Física

Original Teachy

'EM13CNT309'

Cinemática: Movimento Vertical

Contextualização

O estudo do Movimento Vertical é fundamental para entendermos como a força da gravidade atua sobre os objetos em nosso planeta. Neste projeto, vamos explorar os conceitos físicos deste movimento e sua importância em diversas áreas, como esportes, construção civil, aviação e ciências atmosféricas.

Na primeira parte da nossa jornada, precisamos entender algumas das leis fundamentais que governam o movimento vertical. Primeiro, é importante saber que a aceleração devida à gravidade puxa objetos em direção ao centro da Terra a uma taxa constante. Esta aceleração é de aproximadamente 9,8 m/s², independentemente da massa do objeto em queda livre.

Em segundo lugar, precisamos entender a diferença entre velocidade e aceleração. A velocidade é a taxa de mudança de deslocamento por unidade de tempo, enquanto a aceleração é a taxa de mudança de velocidade por unidade de tempo. Em um movimento vertical, a velocidade de um objeto aumenta ou diminui constantemente devido à aceleração da gravidade.

Finalmente, devemos considerar o impacto da resistência do ar. Em um vácuo, todos os objetos caem à mesma velocidade, independentemente de sua massa. Isso é conhecido como o princípio da equivalência, um dos alicerces da teoria da relatividade geral de Einstein. No entanto, em um ambiente terrestre, a resistência do ar desempenha um papel significativo, especialmente para objetos com grandes áreas de superfície relativas à sua massa.

Entender o movimento vertical é crucial em muitos aspectos do nosso mundo. Os engenheiros precisam considerá-lo ao projetar edifícios, pontes e estádios. Os atletas usam os conceitos do movimento vertical para melhorar seu desempenho em esportes como salto em altura, salto com vara e mergulho. Além disso, o movimento vertical tem um papel importante na ciência atmosférica, ajudando a entender a formação de nuvens e o movimento do ar.

Além disso, o movimento vertical tem implicações diretas na economia e na política, já que é um elemento chave para a exploração e aproveitamento do espaço. Lançamentos e aterrissagens de foguetes, vôos suborbitais para turismo espacial e a queda de meteoritos são apenas alguns exemplos de como o movimento vertical pode impactar a economia mundial e a geopolítica.

Para este projeto, recomendamos os seguintes recursos para aprofundar seus conhecimentos sobre o tema:

Atividade Prática

Título da Atividade: A Torre e a Pena - O Movimento Vertical na Prática

Objetivo do Projeto:

O objetivo deste projeto é explorar e entender os conceitos de Movimento Vertical, aceleração, velocidade e resistência do ar por meio de experimentação prática. Os alunos serão desafiados a realizar experiências, colher dados e aplicar conceitos de física e matemática para analisar os resultados. Adicionalmente, o projeto busca fomentar o trabalho em equipe, a comunicação eficaz e o gerenciamento do tempo.

Descrição detalhada do Projeto:

Neste projeto, os grupos de estudantes deverão realizar experimentos com objetos de diferentes massas e formas caindo de uma altura definida. Eles serão desafiados a medir o tempo de queda e analisar os dados para entender como a resistência do ar e a aceleração da gravidade afetam o movimento vertical.

Os alunos contarão com o suporte da tecnologia para medição, como um aplicativo de cronômetro em um smartphone, e deverão elaborar gráficos e relatórios para apresentar suas constatações.

Este projeto deve ser realizado em grupos de 3 a 5 alunos e está projetado para ter uma duração aproximada de 12 horas de trabalho por aluno.

Materiais Necessários:

  1. Diferentes objetos para queda (Sugestão: bolas de diferentes tamanhos e materiais, uma pena, um pedaço de papel).
  2. Um local seguro e adequado com uma altura considerável para realizar o experimento (Sugestão: um prédio escolar).
  3. Smartphone com aplicativo de cronômetro.
  4. Material para anotação dos resultados (Cadernos, canetas, sheets em um notebook, etc.).
  5. Programas de elaboração de gráficos (Excel, Google Sheets, ou similares).

Passo a Passo detalhado para a realização da atividade:

  1. Planejamento e Distribuição de Funções: O grupo deve criar um plano de ação e distribuir responsabilidades entre os membros. Essa é a primeira etapa do gerenciamento de tempo e colaboração.

  2. Escolha dos Objetos: Escolher os objetos que serão usados no experimento. É importante que sejam de formas, tamanhos e materiais diferentes para uma análise diversificada do efeito da resistência do ar.

  3. Realização dos Experimentos: No local escolhido, cada objeto deve ser solto de uma mesma altura. Utilizando o cronômetro do smartphone, os alunos devem medir o tempo que cada objeto demora para chegar ao solo a partir do momento em que foi solto.

  4. Coleta de Dados: Documentar todos os tempos medidos para o relatório. Repetir os experimentos diversas vezes para cada objeto e calcular a média para obter dados mais confiáveis.

  5. Análise dos Dados: Os alunos devem usar habilidades matemáticas para calcular a velocidade de queda de cada objeto e criar gráficos comparando tempo, velocidade e resistência do ar para os diferentes objetos.

  6. Elaboração do Relatório: Com base nos dados coletados e na análise realizada, os alunos devem produzir um relatório descritivo do experimento. A estrutura deste relatório deve incluir uma introdução, desenvolvimento, conclusões e bibliografia.

Entregas do Projeto:

Ao final do projeto, cada grupo de alunos deverá entregar:

  1. Relatório escrito: Este documento deve conter a recordação de todo o experimento e análise dos dados. Ele será composto por quatro seções: Introdução, Desenvolvimento, Conclusões e Bibliografia.

    • Introdução: Contextualização do projeto, explicando o conceito de movimento vertical e sua relevância no mundo real.

    • Desenvolvimento: Nesta seção, o grupo deve detalhar todo o processo experimental, desde o planejamento do trabalho em equipe até a execução dos experimentos e análise dos dados. Gráficos e tabelas devem ser utilizados para demonstrar os resultados obtidos. Detalhes sobre a metodologia e os materiais usados também devem ser incluídos.

    • Conclusões: Os alunos devem discutir suas descobertas, destacando os principais aprendizados do projeto e como esses conceitos se aplicam ao mundo real.

    • Bibliografia: Todas as fontes de pesquisa e materiais de referência utilizados durante o projeto devem ser mencionados corretamente.

  2. Apresentação Oral: Os grupos terão a oportunidade de apresentar seus resultados para a turma, enfatizando os desafios encontrados, os principais resultados e a colaboração da equipe durante a solução do problema.

  3. Gráficos e Tabelas: As representações gráficas criadas para analisar os dados devem ser entregues juntamente com o relatório.

O professor irá avaliar os alunos com base na qualidade do experimento realizado, a precisão e clareza do relatório e apresentação, bem como a colaboração da equipe durante o projeto.

Iara Tip

DICA DA IARA

Precisa de materiais para apresentar o tema do projeto em sala?

Na plataforma da Teachy você encontra uma série de materiais prontos sobre esse tema! Jogos, slides, atividades, vídeos, planos de aula e muito mais...

Quem viu esse projeto também gostou de...

2023 - Todos os direitos reservados

Termos de usoAviso de PrivacidadeAviso de Cookies